terça-feira, Dezembro 07, 2010

Derbi intenso...e Sofrido

Perigo para o Odivelas

Fogaça... O homem golo

Já em inferioridade numérica...
Não foi fácil esquecer o resultado do Restelo... O melhor é mesmo não esquecer. Alias espero recordar-me desse jogo todos os dias...
O jogo deste fim de semana não era fácil como se viu. O Odivelas vem vindo a realizar um campeonato absolutamente extraordinário e estava colado ao grupo da frente. Após o nosso jogo foi fácil perceber porquê. É uma equipa cheia de atitude com garra e empenho, e isso tem valido pontos.
Nós continuamos a fazer um campeonato abaixo das nossas capacidades, e tenho absoluta confiança que iremos melhorar, apesar das poucas condições que temos, mas iremos melhorar e iremos a tempo certamente. No nosso campeonato e eventualmente em todos os campeonatos e escalões não será fácil encontrar uma equipe que treine duas vezes por semana em 1/2 campo e que tente lutar por objectivos como nós o fazemos... Se vamos conseguir ou não, isso como tenho dito são outros tantos, agora quem me conhece sabe que desistir ao limitar-se ao possível são coisas que não combinam comigo e como tal continuo a exigir e a pedir à equipa que se supere e vá em busca do lugar em que a sua qualidade merece estar, por mais que isso desagrade a muita gente, caminhamos lentamente para um patamar mais de acordo com o que a equipa em potência merece, e lá chegaremos. Já são alguns jogos que nos identificam com isso, sei que iremos melhorar já este Domingo a imagem que temos deixado nos jogos fora de casa, e quando jogarmos fora como jogamos em casa, sei que isso vai acontecer e sei também que se tal acontecer todos os apoios que nos tem faltado irão aparecer como que por magia, no entanto a verdade e o principio pelo qual guio o meu caminho e da minha equipa, é que se como equipa reentramos na luta, então é dessa forma que chegaremos ao fim. No final serão muitos em caso de sucesso a chamarem para si o mérito de tal proeza, o que a mim não me incomodará nem um pouco... Se falhar-me serão os mesmos a condenar e felicitar o insucesso... mas a vida é feita desta coisas e neste momento há as apostas de cara ou coroa...! 
Já o disse logo após a derrota com o 1º Dezembro e após a derrota com o Oeiras, tal como já o tinha dito em Junho. Iremos subir de divisão com ou sem apoio, com os árbitros isentos ou contra, com 26 ou com 15 Jogadores, quer gostem ou não lutaremos até ao fim... E sei que os jogadores vão até ao fim na luta por este objectivo e quando uma equipa acredita, então há que lutar até ao fim.

quarta-feira, Julho 15, 2009

O Meu Caminho, pode ser longo...Mas vou fazê-lo

Já lá vai algum tempo desde o último post... Já quase nem passava por aqui, até me recordarem que tinha um blogue.
Desde o ultimo post até este a essência não mudou, estou definitivamente em fase de mudança, tal como em todas as mudanças perspectivamos o melhor, procuramos um novo rumo, uma solução diferente. No entanto por mais que se prepare a mudança é tal e qual um melão, só depois de terminada perceberemos se será bom ou mau.
Sabendo isso, há um principio que se baseia no simples facto de eu querer mudar. É essa a força que me conduz, é essa a motivação que me faz acreditar que será melhor. Corrigir os erros, prender as pontas soltas e enfrentar a vida depois dos 33 com um sorriso nos lábios e a certeza de que fiz o melhor que sabia mesmo quando não fiz o melhor que podia.

quarta-feira, Fevereiro 25, 2009

A Idade de Cristo


Em Cada momento da minha vida procurei fazer sempre o melhor que sabia e podia, ponderei todas as decisões, todos os actos, todas as palavras... Nem sempre, ou quase nunca acertei... Em cada segundo da minha vida tentei e dei sempre o melhor de mim aos outros... Sofri nas tristezas, ri nas alegrias... olhando para trás sei que poucas foram as lágrimas e os sorrisos emanados pela minha alma... Nem sempre fui compreendido...Nem sempre fui aceite.... a minha boa fé , permitiu-me confiar em quem não devia, dar a quem não merecia... FALHEI...Não sou perfeito, graças a DEUS... 33 anos de vida, é tempo de mudar, a idade de Cristo, aquela que sempre quis ter, chega no pior momento da minha vida... Os últimos dois anos foram penosos, sofríveis, mas foram reais... Não guardo saudades , não fujo deles, quero-os presentes , não têm qualquer importância hoje, são passado... Mas não os quero esquecer, quero que fiquem aqui, junto a mim, para que resolva um a uma todos os problemas criados nesse tempo, para que me lembre que não pessoas confiáveis, para que me lembre que não posso dar o corpo à Bala em defesa de ninguém, para que me lembre que os meus amigos de hoje, são os mesmos da minha infância feliz, para que me lembre que quem hoje se diz meu amigo, não o é... para que me lembre, que EU SOU EU. A minha vida começa agora, à outra vou buscar o melhor que me deram, que por menos que seja, é meu... São os amigos, São a familia, São os filhos, São as recordações... De hoje em diante a vida recomeça. Porque nunca é tarde para recomeçar, nunca é tarde para reconhecer as falhas, nunca é tarde para a humildade... Eu continuo a acreditar na justiça devina, eu tenho uma vida que é minha, eu SOU EU.